Horários das Aulas

Ed. Inf. e 1º ano - 7h às 11h50 / 13h às 17h50.
COM PERÍODO INTEGRAL OPCIONAL.

Ens. Fundamental

- 2º ao 5º ano - 7h às 12h / 13h às 18h.

- 6º ao 9º ano - 7h às 12h30.

Ensino Médio - 7h às 13h30.

Com dia integral (manhã: 7h às 12h30)

- 1ª e 2ª série - 2ª feira das 13h30 às 17h10.

- 3ª série - 2ª feira das 13h30 às 15h10.

Venha conhecer o colégio

Visitas: de terça a sexta às 8h ou às 16h.
Deverá ser realizado um agendamento prévio por meio do número de telefone 2971-6900 ramal: 121, 232 e 115.

Atendimento Secretaria

Segunda a sexta, das 8h às 17h.

Endereço

Rua Dom Henrique Mourão, 201
Santa Terezinha - São Paulo - SP - 02405-030

tel: (11) 2971-6900 - fax: (11) 2973-0079

como chegar

Aulaweb

Ferramenta de apoio ao aluno. Nela, os professores disponibilizam aulas, leituras extras, arquivos de apoio, lista de exercício, links entre outros materiais que podem contribuir para o processo de ensino.

Acadêmico Web

Por meio dessa ferramenta é possível verificar o rendimento escolar do aluno a partir do 2º ano, e o acompanhamento pedagógico a partir do 6º ano.

Portal Educacional


Acesse aqui o novo portal:

versão para computador

versão para Tablet/Celular

Colégio

Keka Reis autografa livros durante feira no Salê
Evento acontece em conjunto com Semana da Arte

Página Inicial > Colégio

26-10-2018 10:40



A Feira do Livro recebeu a escritora Keka Reis. Autora dos livros “O dia em que minha vida mudou por causa de um chocolate comprado nas Ilhas Maldivas” e “O dia em que a minha vida mudou por causa de um pneu furado em Santa Rita do Passa Quatro”, ela afirma que a literatura para pré-adolescentes é muito importante no sentido de orientar. “A literatura pode ajudar muito nessa fase de transição. As crianças, muitas vezes, ficam perdidas entre a infância e a adolescência. Essa passagem pode ser muito divertida, mas também muito cheia de dramas”, explica. 

“Em todos os momentos delicados e de transição, as histórias podem ajudar muito a gente, especialmente uma história que fala diretamente com você”, completa.

Para a escritora, identificar-se com um personagem pode ser muito saudável, principalmente nos dias atuais em que vivemos em um mundo tão imediato no qual as crianças estão cada vez lendo menos e usando mais os celulares. “A resposta que recebi das crianças que leram os meus livros é de uma identificação profunda e até de um certo alívio no sentido de não sou só eu que estou passando por isso”.

Sobre estar na Feira do Livro do Salê, ela conta que é uma experiência muito interessante. “Ter oportunidade de apresentar, contar a história e olhar nos olhos dessas crianças é muito importante para mim”, conclui. 

Jyully Ann, aluna do 5º ano, disse que sempre quis conhecer a autora e que adorou a oportunidade. Ela já leu seus dois livros. “É uma história bem divertida e alegre, por isso li o primeiro e quis ler o segundo”, conta. 


Álbuns de Fotos Relacionados

Clique sobre as fotos, para vê-las ampliadas.



Keka Reis na Feira do Livro







Veja Mais

Centro de Idiomas

IMERSÃO
HALLOWEEN

Alunos do Centro de Idiomas se divertem na festa do Halloween